2012/08/02

CAMINHOS




Ando na linha
Do bonde
Dos trens
Na faixa dos pedestres
Ando pelas ruas e
Avenidas dessa cidade-ilha
Tempo perdido andar tanto assim
Por maiores que sejam meus caminhos
Acabo por andar sempre em círculos...

Um comentário:

Mirze Albuquerque disse...

Acabamos todos poe andar em círculos, talvez seguindo o ciclo da terra.

MUITO BOM!!

beijos

Mirze