2014/02/20

QUE MEUS INIMIGOS ME APLAUDAM DE PÉ, POIS



Nunca
(enquanto  vivo for)
Pouparei humanidade de minha presença.

8 comentários:

Doux' disse...

E os incomodados que se mudem!

Ranzinza disse...

Faço minhas suas palavras!

Carol disse...

Está perdendo tempo na fazenda ! pior só a fazenda da record rsrsrs..

Ranzinza disse...

Em matéria de "pior" sempre escolho o pior!!!

Rodrigo disse...

Faz muito bem o senhor, ahahaha.

Ranzinza disse...

Esse post cruzou o Atlântico, estou melhorando...

Rodrigo disse...

O blog todo cruzou, ahahaha. Só falta o senhor.

Shirley disse...

Que assim seja! kkkk (nada como um dia depois do outro...)